Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

32
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Hugo Versiani
 
 

As cartas Legends são uma seleção dos melhores jogadores de todos os tempos. É um conteúdo exclusivo para Xbox (360 e One) entre a Microsoft e EA Sports. Por ser uma representação do melhor momento da carreira futebolística de cada um, consequentemente, os preços das cartas de alguns jogadores são bem elevados. As lendas estão disponíveis no mercado de transferências e também em pacotes. A química entre os jogadores é fundamental para o sucesso da equipe contra os adversários. Nesse sentido, os Legends, são um fator positivo para maiores variações no time, sem ter que se preocupar demasiadamente com a química.

Em vários drafts ou nas primeiras divisões nos deparamos com esses Legends e muitas vezes nem sabemos o porquê dele ter adquirido essa carta especial. Você até já pode ter assistido algum documentário ou pela mesma curiosidade que a minha ter ido a fundo nas pesquisas sobre essa lenda, mas pelo menos algo já sabemos sobre esses jogadores: eles fizeram a diferença no futebol. Mas qual é o objetivo dessa nova série, se a internet nos possibilita tirar todas essas dúvidas? É simples! Reunir informações, descobrir novos ídolos e compartilhar experiências in game.

Essa nova série de artigos irá contar, quinzenalmente, um pouco da história desses jogadores, comentaremos também sobre a carta e as possibilidades de utilizar em jogo por meio dos seus atributos, os valores no mercado de transferências e tudo isso com imagens, links e vídeos da carreira de cada Legend. Está em campo! Legends: de A a Z!

 
 
 
 
 

Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Histórico

Vida e carreira do jogador
 

E quais foram os momentos mais marcantes da carreira desse jogador? Alexi Lalas não jogou em grandes clubes durante sua trajetória no futebol. Deixou sua marca no mundo da bola apenas pela notável atuação na Copa de 1994 pela seleção dos Estados Unidos, torneio no qual o Brasil consagrou-se como tetracampeão mundial. O desempenho da seleção norte-americana foi bem mais relevante fora de campo do que dentro dele. Lalas foi e ainda é um dos responsáveis por construir, difundir e consolidar a popularidade do futebol no país. Três anos antes, em 1991, o zagueiro foi campeão dos jogos Pan-americanos de Cuba. Jogou inicialmente pelo Rutgers, depois foi contratado pelo Padova e, em seguida, teve passagens pelo New England Revolution, Emelec, MetroStars, Kansas City Wizards e o Los Angeles Galaxy. Neste último clube foi campeão nacional nos anos de 2001 e 2002.

 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Você sabia?

Curiosidades e fatos curiosos sobre o jogador
 

Alexi Lalas foi o primeiro jogador norte-americano a atuar na primeira divisão italiana. O Padova foi o responsável pela sua contratação a época.

 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Frase polêmica

Declaração famosa do jogador
 

Dia 1 no Rio. Eu não fui roubado e meus órgãos não foram arrancados

Em 2014, Lalas desembarcou no Brasil para acompanhar a Copa do Mundo e causou polêmica ao publicar este comentário num diário de viagem que pretendia começar. Como justificativa o norte-americano disse que a intenção era mostrar as pessoas que não existe esse estereótipo em relação à uma das principais cidades do Brasil. Será mesmo que foi somente uma brincadeira?
 
 
Hugo Versiani
 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Cadê você, Alexi Lalas?

Encontre Alexi Lalas nas redes sociais twitter e facebook
 
 

Twitter - Lendas de FIFA: Alexi LalasFacebook - Lendas de FIFA: Alexi Lalas

 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas

Análise

Caraterísticas do jogador
 

Ter apenas um atributo essencial para a função com pontuação acima de 90 pontos, deixa o zagueiro norte americano em situação, no mínimo, questionável para ter uma carta especial. Por outro lado, Lalas é um exemplo de que as cartas de lendas em FIFA não são apenas por merecimento técnico, mas pela atuação histórica na trajetória do futebol. Aceleração (78), altura (1,91cm) e work rate baixo para ataque e alto para defesa são características que podem te ajudar a decidir em compra-lo ou não no mercado de transferências.

Lendas de FIFA: Alessandro Nesta
Alexi Lalas em FIFA 16


 
Pontos fortes nos atributos para a posição

Força: 93
Aceleração: 78

Pontos fracos nos atributos para a posição


 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Valor no mercado de transferências

Valorização do jogador em FUT
 

O Price Ranges de Alexi Lalas está entre 26k e 480k. Numa última verificação, no BIN, sua carta está saindo por 153k. Se vale a pena ou não, depende de você. Se é fã deste jogador, vá em frente. Se quer somente testá-lo, não hesite. Se procura por zagueiros nessa faixa de preço, por exemplo, o Barzagli TOTS da Serie A está saindo no BIN por 150k ou menos no Xbox One e 160k no PS4. No dia 30 de setembro de 2015, Lalas, estava saindo por 373k, já no dia 11 de julho deste ano sua carta estava valendo 134k, ou seja, 239k de depreciação de valor de mercado.

Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas
 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Galeria de imagens

Fotografias do jogador
 
[soliloquy id=”21201″]
 
 
 
 
 
Lendas de FIFA: Alexi Lalas, O Lalas

Videos

Jogador em ação
 

 
 
 
 
 

Lendas já publicadas
Alan Shearer
Alessandro Nesta

Próxima Lenda
Andreas Brehme

 
 
 
 
 

Hugo Versiani é o autor das colunas Ponto Central, MY trade e Lendas de FIFA. Ele também contribui na elaboração dos guias das ligas e seleções em FUT. Apaixonado por futebol real e virtual, é torcedor fanático do Corinthians e da seleção brasileira. Está no mundo do video game desde o International Superstar Soccer, depois um longo tempo pelo Winning Eleven, passando por Pro Evolution Soccer e atualmente em FIFA. Depois de muitos anos atuando pelos gramados virtuais, descobriu o interesse pela leitura e escrita sobre futebol. Encontre-o pelo facebook e twitter.

32 COMENTÁRIOS

  1. Quando acabo um jogo não recebo os CFC’s do catálogo nem o estado para partilhar no R3.
    Apenas acontece quando venço uma divisão ou coisas assim, agora resultados e fins de jogos não.

  2. Amigos do site, tenho tido problemas com bug no fut 16 há + – 1 mês. Quando encontro um adversário, escolho uniforme e vou visualizar o time dele pela primeira vez, antes de entrar no início da partida, o jogo tem travado às vezes 3 jogos seguidos, e isso tem me custado vários rebaixamentos, pois tenho que reiniciar o jogo e ele entende que eu quitei a partida. Fica tocando a música de fundo, mas ele não muda de página. Minha conexão é ótima e creio que o problema realmente seja no jogo. Mais alguém com esse problema? Estou até jogando pouco fut 16 pois isso desanima demais, aquele último jogo pra subir de divisão ou pra escapar do rebaixamento e a porcaria trava. Estou morrendo pra encontrar adversários no modo temporadas, mas é melhor do que ficar reiniciando o jogo por causa deste erro maldito. Alguma dica pra mim? Obrigado e parabéns pelo site.

  3. E aí gurizada, pelo o que eu to vendo a mídia física será mais barata esse ano. Têm vendedores oferecendo por R$ 210,00

  4. Parabéns Mais uma vez Hugo, esse artigo é top!
    Não me lembro do futebol desse cara, ele se destacou mais pelo lado exótico do que pela bola que jogava.

    Não é tópico do Rodrigo, mas quero deixar as congratulações a ele pela conquista de Portugal. Um título improvável com gol de um jogador mais improvável ainda.
    No Brasil tá meio sem graça, más o futebol ainda é espetácular.

    Abraço Amigo!

    • Obrigado.
      O Éder foi mesmo improvável. Ninguém aqui gostava dele. Ninguém mesmo. Ainda não ouvi uma única pessoa que dissesse ‘eu acreditava nele’. Agora há uma infindade de páginas a pedir desculpa ao rapaz. 🙂

      • Eder está para Portugal assim como Gotze está para a Alemanha…

        Meus parabéns Rodrigo!!
        Independente de quem fez o gol do título, o futebol é coletivo e tem os seus destaques…Portugal merecia ganhar, pois cresceu no momento que tinha que crescer e aquele título perdido em casa em 2004 para uma seleção grega horrorosa estava entalado..não só pelo CR7 que é estrela dessa geração, mas por um país inteiro que também respira futebol e ainda não tinha um título de tamanha expressão no cenário mundial. Merecido!

        • Eu estava em viagem e fiquei surpreso quando vi que Portugal tinha levado a Euro. Achei que seria uns 2×0 para o time da casa. Mas como você disse, merecido.

    • Valeu, N3G4UM! É bom ter esse feedback da nossa comunidade. O Lalas tá mais para apelo comercial e cultural da EA para os EUA, do que um feito futebolístico. Chora, França! Parabéns, Portugal! Vem bola de ouro para o CR7! Chora, Messi! 🙂

  5. Esse Jogador é um caso, como já foi dito, das “lendas questionadas”. Na minha opnião, está como tal meramente por apelo comercial com o público norte-americano, um dos maiores mercados para a EA. Fora isso, esse jogador se destacou pelo estilo exótico do seu cabelo e barba ruiva, juntou sua “beleza” ao uniforme mais exótico ainda dos EUA para a copa de 94´ em casa e deu isso aí kkkkk…Brincadeiras a parte, me lembro bem na época, principalmente contra o Brasil ele fez a melhor partida da vida!! Brasil 1×0 Eua no dia da independência deles, na casa deles, na copa deles… Sofrido e suado!! Ah.. um bônus.. no album de figurinhas da copa da época também era muito legal achar a carta dele, além de um dos mais dificéis também.

    • Tu tá meio véio hein Thiago! kkkkkk
      Eu também estou, e me lembro como se fosse hoje a enfiada de bola do Romário pro Bebeto e o Galvão Bueno gritou:”Faz Bebeto, faz Bebeto!!!!”
      Que pena que o Brasil não produz mais jogadores como antigamente.

      • KKK Tô mei vélho mesmo…mas depois das suas palavras lembrando do Galvão e o “Faz Bebeto” cheguei a arrepiar…lembro exatamente onde estava e com quem estava nesse momento… Lembra que quando saía gol do Brasil aparecia um autógrafo do jogador na tela e o Galvão pedia para o jogador “assinar” o gol? KKKK

        Rodrigo, sobre o futebol brasileiro e a nossa confederação, paramos no tempo confiando somente nos talentos individuais cada vez mais escassos, a falta de organização dos nossos próprios campeonatos e o calendário que uma piada. Outra coisa que nos fez cair ainda mais, foi transformar em astros jogadores apenas medianos. Não querendo ser saudosista, mas imaginem quanto ganhariam hoje, estrelas mundiais do naipe de: Pelé,Maradona,Eusébio,Di Stefano, Garricha, Cruyff, Beckenbauer, e etc… Não haveria grana para tantas lendas legítimas…

      • Fala ae Veesoo!
        Cara confesso que não tinha nem idéia de quem era esse tal de Tormund e fui ao pai dos burros “google” para saber… Imagino que eu sou o único ser humano da terra que não assiste Game of Thrones.kkkk 🙂

        • TA, me permita participar da discussão, mas eu também não assisto Game of Thrones! kkk

          No mais, excelente artigo Hugo! Uma pena que você migrou para o One, pois eu agora estou no PC, que foi a alternativa encontrada para que eu pudesse jogar o FIFA na nova geração!

          Mas o Lalas se equipara as “lendas” Higuita, Chilavert, Jorge Campos, etc… mais pelo “enredo” do que pelo futebol!

          • Obrigado, Paulo Tiago! Eu fui para outra plataforma por três motivos: meu notebook já não conseguia rodar bem o FIFA 15, surgiu uma grana e eu resolvi investir no Xone. A quantidade de trapaças e trapaceiros me irritava. E, por fim, as lendas que são exclusivas da Microsoft. Ótima analogia! Valeu, abraço.

    • Deve ter sido difícil segurar o Romário (aliás, deveria ser uma lenda) naquele jogo, apesar do gol ter sido marcado pelo Bebeto.

      • Selecao de 94 tinha um time de operarios, 2 bons jogadores: Taffarel e Bebetinha e um Genio: …………
        ….Viola!!!!

        https://m.youtube.com/watch?v=wKT0iqVfM1U

        kkkkkkkkk

        Assim como nao seria possivel a copa de de 62, sem Garrincha, e a de 2002, sem Rivaldo e o Fenomeno – Romario praticamente nos deu uma Copa de presente. Eh por isso que tanto pegam no peh do Messi, do CR7….

Comente

Please enter your comment!
Please enter your name here