Como Comprar FIFA Points para FIFA 21 Ultimate Team

7
FIFA Points

Siga o nosso guia passo a passo que o ensina a comprar FIFA Points para FIFA 21 Ultimate Team nas lojas da PlayStation, Xbox e PC Origin, assim como na Web App, na loja FUT ou através de códigos.

 

Comprar FIFA Points

Como Comprar FIFA Points para utilizar em FIFA 21 Ultimate Team?

Antes de mais, é importante perceber que, caso não tenha idade suficiente, terá previamente de pedir autorização aos seus tutores para adquirir FIFA Points.

A compra de FIFA Points só pode ser feita a partir do dia de lançamento do jogo, exceto para PC e para os subscritores do serviço EA Access ou Origin Access. A transferência dos seus antigos FIFA Points antes do dia de lançamento do jogo só é possível se tiver acesso antecipado ao mesmo. Tenha em consideração que a venda de FIFA Points na Bélgica foi abolida a 31 de janeiro de 2019 devido.

Consoante a plataforma onde jogar, os FIFA Points podem ser adquiridos de vários modos diferentes. Listamos de seguida cada um desses métodos.

 
 
 
Como Comprar FIFA Points para FIFA 21 Ultimate Team

LOJA FUT
1 Dentro do Ultimate Team da sua consola, navegue até à aba ‘Store’ e selecione ‘FIFA Points’ no canto superior direito.
2 Escolha a quantidade de que pretende comprar. Irá ser redirecionado para a PlayStation Store. Quanto maior for o pacote de FIFA Points que comprar, maior será o desconto associado.
3 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido. Caso contrário, poderá adicionar fundos. Os meios de pagamento existentes são: cartão de crédito, PayPal ou créditos pré-pagos. Estes métodos podem variar consoante a sua região.

LOJA PLAYSTATION
1Entre na Playstation Store e faça login com os dados da sua conta.
2 Faça uma pesquisa por ‘FIFA Points’. Se não obtiver resultados, procure em ‘Extras’.
3 Selecione a quantidade pretendida e clique em ‘Comprar’.
4 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido na sua consola. Caso contrário, poderá adicionar fundos através de um dos meios de pagamento disponíveis.

USANDO UM CÓDIGO
1 Adquira numa loja de sua confiança um código para a sua plataforma, região e com a quantidade de FIFA Points pretendidos. Todos os grandes retalhistas o vendem (Amazon, Kinguin, etc…).
2 Escreva na barra de endereço do seu navegador “SonyEntertainmentNetwork.com” e faça login com os dados da sua conta. Alternativamente, poderá também aceder à sua conta através da PlayStation App ou consola.
3 Clique em cima da sua imagem, no canto superior direito do monitor e escolha ‘Definições da Conta’.
4 Clique em ‘Utilizar cartão pré-pago’ no lado esquerdo do monitor. Introduza o código que comprou.
5 Depois do código ser validado, os FIFA Points estarão prontos para serem descarregados.

 
 
 
Como Comprar FIFA Points para FIFA 21 Ultimate Team

LOJA FUT
1 Dentro do Ultimate Team da sua consola, navegue até à aba ‘Store’ e selecione ‘FIFA Points’ no canto superior direito.
2 Escolha a quantidade de que pretende comprar. Irá ser redirecionado para a Xbox Marketplace. Quanto maior for o pacote de FIFA Points que comprar, maior será o desconto associado.
3 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido. Caso contrário, poderá adicionar fundos. Os meios de pagamento existentes são: cartão de crédito, PayPal ou créditos pré-pagos. Estes métodos podem variar consoante a sua região.

LOJA XBOX
1 Entre na Xbox Marketplace e faça login com os dados da sua conta.
2 Faça uma pesquisa por ‘FIFA Points’. Se não obtiver resultados, procure em ‘Extras’.
3 Selecione a quantidade pretendida e clique em ‘Comprar’.
4 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido na sua consola. Caso contrário, poderá adicionar fundos através de um dos meios de pagamento disponíveis.

USANDO UM CÓDIGO
1 Adquira numa loja de sua confiança um código para a sua plataforma, região e com a quantidade de FIFA Points pretendidos. Todos os grandes retalhistas o vendem (Amazon, Kinguin, etc…).
2 Escreva na barra de endereço do seu navegador “xbox.com” e faça login com os dados da sua conta. Alternativamente, poderá também aceder à sua conta através da consola.
3 Passe o rato por cima da sua conta, no canto superior direito do seu monitor, e selecione ‘Redeem Code’.
4 Introduza o código que comprou e confirme.
5 Depois do código ser validado, os FIFA Points estarão prontos para serem descarregados.

 
 
 
Como Comprar FIFA Points para FIFA 21 Ultimate Team

LOJA FUT
1 Dentro do Ultimate Team, navegue até à aba ‘Store’ e selecione ‘FIFA Points’ no canto superior direito.
2 Escolha a quantidade de que pretende comprar. Irá ser redirecionado para a loja Origin. Quanto maior for o pacote de FIFA Points que comprar, maior será o desconto associado.
3 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido. Assim que concluído ele será automaticamente adicionado ao seu saldo. Caso contrário, poderá adicionar fundos. Os meios de pagamento existentes são: cartão de débito ou crédito, Skrill Wallet e Boku SMS (PC). Estes métodos podem variar consoante a sua região.

LOJA ORIGIN
1 Entre na Origin store e faça login com os dados da sua conta.
2 Faça uma pesquisa por ‘FIFA Points’. Se não obtiver resultados, procure em ‘Extras’.
3 Selecione a quantidade pretendida e clique em ‘Comprar’.
4 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido no seu PC. Caso contrário, poderá adicionar fundos através de um dos meios de pagamento disponíveis.

WEB APP
1 Entre na Web App e faça login com os dados da sua conta.
2 Clique no ícone ‘Get More‘, junto à quantidade de FIFA Points que possui. Irá ser redirecionado para a loja Origin.
3 Selecione a quantidade pretendida e clique em ‘Comprar’.
4 Se tiver saldo suficiente, poderá realizar o pagamento e começar a fazer o download do item adquirido no seu PC. Caso contrário, poderá adicionar fundos através de um dos meios de pagamento disponíveis.

USANDO UM CÓDIGO
1 Adquira numa loja de sua confiança um código para a sua plataforma, para a sua região e com a quantidade de FIFA Points pretendidos. Todos os grandes retalhistas o vendem (Amazon, Kinguin, etc…).
2 Escreva na barra de endereço do seu navegador “http://www.origin.com/us/about” e clique em ‘Download’ no lado esquerdo do seu monitor.
3 Instale e inicie a aplicação com os dados da sua conta. Se não tiver nenhuma crie uma aqui.
4 No menu ‘Origin’, escolha ‘Redeem Product Code…’ e introduza o código que comprou.
5 Depois do código ser validado, vá a ‘My Games’ e inicie o download.

 

7 COMENTÁRIOS

  1. Olá Rodrigo.
    Apenas para finalizar a nossa conversa, não comprarei o Fifa 21, e dificilmente voltarei a comprar edições futuras. Comprei o PES 2021, há uns 10 dias. Pesquisei bastante em páginas que não são dedicadas exclusivamente a nenhum dos dois games, buscando entender a mecânica do jogo, pontos fortes e os que deixam a desejar. Mas o fator decisivo para mim, foi o fato de discordar com o que considero como uma manipulação gigantesca no jogo, em favor dos compradores de Fifa Points.
    Este ano já comprei a franquia por puro impulso. Ao longo do período, por duas vezes, passei mais de 25 dias, em cada um deles, sem jogar. E pouco tenho usado o jogo nestes últimos dias.
    Desejo a você e a sua equipe boa sorte. Obrigado por nossas conversas. Abraço.

  2. Olá, Rodrigo (transportei as minhas perguntas para este tópico, uma vez que os processos citados abaixo, estão relacionados com a venda de Fifa Points).
    Tenho 3 situações em que gostaria de saber a sua opinião:
    1 – Li que a EA responde/respondeu processos na Bélgica, França e Holanda. Países que consideram que o modo UT, do Fifa, fere as respectivas legislações sobre jogos de azar, tendo em vista a venda de pacotes (o usuário os compra, sem saber o seu conteúdo) e que caso não sejam atendidos em suas reivindicações, o jogo seria banido nestes países. Segundo o que entendi, na Bélgica, o processo foi iniciado em 2018, e já teria sido encerrado. Na França, seria de 2019. Na Holanda, envolveria o Fifa 20, e também estaria relacionado com o modelo pay-to-win. Neste último, as autoridades também questionariam manipulações nas disputas. Pergunto: – tens algum dado sobre o andamento destas situações?
    2 – Li que a EA havia retirado 2 comemorações do Fifa 21, por considerá-las tóxicas (parabenizo a EA pela atitude, caso seja verdadeiro), e que havia feito alterações na IA, também do Fifa 21, para evitar que cartas de jogadores destacados (entendi que seriam cartas de notas altas) se colocassem constantemente em impedimento. Fiquei um tanto incrédulo, quanto à esta segunda parte, já que anteriormente, durante o Fifa 20, a EA afirmou que deixaria de aplicar cartões amarelos em determinadas situações de faltas marcadas, e que impedimentos deixariam de ser marcados, caso a carta impedida não participasse da jogada (como manda a regra, na vida real). Em ambas as situações, após a fala da empresa, o jogo realmente deixou de fazer estas marcações, inicialmente, e depois retornou a fazê-las. Pergunto: – qual a sua opinião sobre esta alteração da IA?
    3 – Observo que passados 10 meses da vida útil de 12 meses do Fifa, ainda existem muitas equipes de bronze, no Squad Battles, sempre no esquema 4-4-2, e sempre com cartas em posições erradas. Comento isto porque a EA declara que o SB é baseado em equipes da comunidade. Sei que vários usuários deixam o Fifa baixar o preço para comprarem. Porém, após 3 meses de lançado já era possível adquirir a franquia por 25% a 30% do preço de lançamento, e que perdura até o presente. A queda brusca no preço do Fifa foi matéria de páginas dedicadas a games.
    Como o Fifa 20 foi recordista no lançamento de cartas especiais, várias inegociáveis, distribuídas em SBCs e/ou objetivos, quaisquer players as possuem. A consequência de tantas cartas especiais facilmente adquiríveis, foi a queda no preço de cartas NIF, portanto tornando-as acessíveis aos novatos que compraram o jogo com retardo.
    Embora sabendo que existe a crença de que o handcap atua em favor de equipes de menor overall, parece-me exagero a existência de tantos times da comunidade formados por cartas de bronze.
    E aí vem a dúvida se estas equipes são “fabricadas” pela EA, para que players de menor habilidade possam cumprir objetivos que exigem níveis de dificuldade maior, no SB, para que recebam as respectivas premiações.
    No Division Rivals, basta conversar com adversários, para confirmar que nem sempre estão na mesma divisão, ou ao menos, em divisões próximas, e raramente possuem o mesmo nível de habilidade…
    Não me espantaria descobrir que estes times do SB sejam fictícios.
    Pergunto: – o que você pensa desta possibilidade?
    Abraço.

    • Apenas complementando dados sobre os processos acima:
      – Conforme as matérias que li, na Bélgica e na França, os processos foram movidos pela Promotoria Pública, de cada um dos países; na Holanda, foi iniciado por um usuário, comprador compulsivo, que afirmou ter gasto mais de 600 €, com Fifa Points, sendo que a melhor carta que havia tirado, segundo o próprio, foi o zagueiro Manolas, nota 84. Afirmou ainda, que duas outras pessoas conhecidas, compraram 2.000 € e 3.000 €, respectivamente, sem que tirassem nenhuma carta significativa.
      Comento estas coisas no blog, sem decidir se comprarei (ou não) o Fifa 21.
      Depois que descobri que existe o modelo pay-to-win, e suas variantes, e como creio que o Fifa recompensa os compradores de Fifa Points com vitórias, quando suspeito que está acontecendo manipulação em favor do meu adversário, simplesmente encerro o jogo com 3 gols contra, pelo motivo de não ter interesse em jogar contra a máquina em modo online (antes o fazia por revolta). O interessante é que continuo sendo sempre Rank I, no Rivals, mesmo deixando de pontuar em alguns confrontos. Foco nos jogos contra outros usuários, não compradores do addon, como eu.
      Abraço.

      • O meu conselho é o mesmo de sempre: se FIFA não lhe está a dar satisfação, então mais vale não comprar. Há outros jogos ou outras coisas para fazer. Especialmente no FUT, a estratégia da EA (seja ele qual for) não irá mudar, pelo que a única forma de ter experiências mais positivas no jogo (não falo de vitórias, mas sim de satisfação) é alterar a forma como vê o jogo. Não fique à espera que as coisas sejam diferentes em FIFA 21. Não serão. Se quiser mesmo jogar, esqueça o pay-to-win e todas essas coisas e tente divertir-se.

        • Olá Rodrigo. Agradeço pela sua resposta ao meu comentário.
          A minha dúvida em comprar, ou não, futuras versões do Fifa, sob o ponto de vista financeiro está em avaliar se devo adquirir um jogo, para aproveitar 60% do modo online, já que conforme a pesquisa feita, 40% dos players compram addons, restando os outros 60% para se ter disputas sem manipulação.
          Quanto à estratégia da EA (ou de qualquer empresa) também não creio que mude. Embora, li que na Bélgica a venda de pacotes foi suspensa em 2019, atendendo à determinação judicial decorrente do processo. Não sei o que aconteceu como consequência dos processos similares na França e na Holanda, ou se a EA conseguiu suspender a proibição na Bélgica. Como qualquer empresa, no momento em que uma linha de produtos deixar de dar retorno financeiro, o fabricante simplesmente o deixa de fabricar.
          Mais uma vez concordo com você, quanto à esperança de mudanças significativas que a EA afirma que entregará no Fifa 21 – não mudará. Desde que conheço o Fifa, cartas se colocam em constantes impedimentos; outras são usadas como barreiras para evitar gols, favorecendo o adversário; faltas são marcadas apenas para devolver a bola à equipe a ser beneficiada; cartas de jogadores extremamente rápidos perdem sprints para marcadores lentos….
          Caso eu deixe de comprar a franquia, serei o último do meu grupo de amigos a fazê-lo. Comecei a jogar a franquia em 2012. Os outros a abandonaram há algum tempo.
          Noto, também, como frequentador antigo do seu blog, que vários outros que postavam comentários aqui, deixaram de fazê-lo. Provavelmente por terem abandonado o jogo também, já que a sua página sempre traz informações interessantes e atualizadas sobre o jogo.
          Abraço.

          • Obrigado mais uma vez por comentar.
            A proibição na Bélgica mantém-se. A tendência é mais países se juntarem a estas restrições ao longo dos próximos anos. Para já, a EA apenas deixou de vender FIFA Points e as edições especiais nesse país, mas obviamente que já têm um plano B, C e D. Nada é feito por acaso na EA.
            Efetivamente há muito menos comentários do que há uns anos atrás, mas a principal razão tem a ver com o desinvestimento que fizemos no site de língua portuguesa. Ele sempre nos deu prejuízo pelo que, apenas por respeito aos que o frequentam, temos tentado mantê-lo online, embora demorando mais tempo a responder às questões e publicando menos conteúdo.
            Abraço

Comente

Please enter your comment!
Please enter your name here