Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

0
Guia do Rating dos Jogadores para FIFA 18 Ultimate Team

 

Os ratings são usualmente utilizados para a comparação entre dois ou mais jogadores. Porém, a maioria da comunidade desconhece o que é efetivamente este número. Nós prometemos desmistificar este e outros temas no nosso guia do rating do jogador para FIFA 18 Ultimate Team.

 

ACESSO RÁPIDO
RATING | QUALIDADE | ATRIBUTOS BÁSICOS | CÁLCULO | IN-GAME RATINGS | MITOS

 
 

Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

O que é o rating do jogador em FIFA 18 Ultimate Team?
 

aqui explicamos o que é, para que serve e como é calculado o rating de uma equipa. Vamos agora fazê-lo para o rating do jogador. Este é um tema sensível, uma vez que a maioria da comunidade tem uma noção errada do que é este número.

Vamos começar pelo início. O rating do jogador é representado na sua carta por um número que varia entre 1 e 99, sendo 1 correspondente à pior situação possível e 99 à melhor. Cada carta tem associado um único rating, sendo que um mesmo jogador pode ter ratings distintos se possuir diferentes cartas. À exceção das Ones to Watch e das Path to Glory, as chamadas Live Cards, o rating inscrito na carta de um jogador mantém-se inalterado ao longo do tempo.

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

Até aqui julgamos que está tudo normal e que ninguém tem dúvidas. O problema começa quando tentamos responder à simples questão: o que é o rating do jogador? Se respondeu que é um índice que mede a sua qualidade, então saiba que está errado. Nem o rating lhe diz quão bom o jogador é, nem ele se limita apenas a isso. O Overall rating não é uma média ou um reflexo de todos os atributos. Não revela nada sobre os verdadeiros atributos técnicos, mentais e físicos dos atletas. Por vezes, os jogadores de FIFA 18 Ultimate Team com ratings mais baixos podem ser melhores escolhas. O rating é sim um número que avalia o potencial do jogador em determinados atributos específicos, de acordo com a sua posição em campo, ponderando ao mesmo tempo a popularidade do jogador e do meio que o envolve. Confuso? Não se preocupe que o guia ainda está a começar e nós pretendemos clarificar todas as dúvidas que tiver.


 
 
 

A Qualidade das Cartas

Ouro, prata e bronze: uma forma ainda mais generalista de se olhar para uma carta
 

De modo a permitir que os jogadores pudessem avaliar as cartas e compará-las entre si, a EA criou uma métrica que apelidou de ‘overall rating’. Sem ela, tornar-se-ia mais difícil reconhecer quais as melhores e as piores cartas. No fundo, o rating é um modo expedito de poder dizer se uma carta é boa ou não, quando comparada a outras. Para que essas diferenças sejam ainda mais evidentes, todas as cartas do jogo estão agrupadas em três níveis, que dependem diretamente do rating associado a cada uma delas:

✔️ Bronze, para ratings até 64;
✔️ Prata, para ratings compreendidos entre 65 e 74;
✔️ Ouro, para ratings superiores a 74.

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

De um modo geral, as cartas de ouro são melhores que as de prata e estas últimas superiorizam-se às de bronze. Mas nem sempre. O problema do rating é o mesmo de qualquer outra coisa que tente ser o mais simplista e generalista possível, como é o caso da qualidade das cartas: é inexata e induz muitas pessoas ao erro. Não estamos a dizer que o rating não devesse existir, afinal de contas é importante que exista informação acessível a todos sobre uma determinada carta. Não nos podemos é esquecer que um jogador é caraterizado por dezenas de atributos que não podem ser resumidos por um simples número, para mais quando a importância de cada atributo varia em função de vários fatores, como o estilo de jogo, a formação, a posição e a constituição da equipa em si. É demasiado subjetivo comparar-se dois jogadores com base unicamente num número que nem sequer tem em conta a maioria dos seus atributos ou que tem em consideração algo que não tem nenhum efeito prático dentro de campo (sim, estamos a nos referir ao International Reputation que será explicado mais à frente).


 
 
 

Os Seis Atributos Básicos

Um modo um pouco mais correto de analisar um jogador
 

Como já explicamos, você não deve considerar os ratings na hora de escolher a sua equipa. A cada jogador estão associados 36 atributos e é principalmente neles que deve basear a sua decisão de comprar ou não uma determinada carta. Porém, a menos que você já possua alguma experiência, torna-se demasiado complexo e moroso analisar tantos números, principalmente se estivermos a compará-los com os de outro jogador. É por isso que a EA simplificou essa tarefa, introduzindo em cada carta seis atributos básicos, que mais não são do que a representação da média ponderada desses 36 atributos em apenas seis números. Embora este não seja o método mais correto de se avaliar um jogador, acaba por ser o mais utilizado pela comunidade, uma vez que é bem mais exato que o overall rating mas ao mesmo tempo muito mais simples que ter de olhar para todos os atributos.

Os atributos básicos são os seis que constam em todas as cartas de jogadores de campo: velocidade, remate, passe, drible, defesa e físico. Olhando para eles, você poderá ter uma noção geral das caraterísticas do jogador, ideia essa que será mais exata se perceber de que são feitos cada um desses atributos.

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

No que ao rating do jogador diz respeito, que é esse o tema deste guia, convém desmistificar que, ao contrário do que muita gente pensa, ele não é calculado a partir dos atributos básicos mas sim a partir de uma outra seleção de atributos, tal como veremos de seguida.


 
 
 

Cálculo do Rating do Jogador em FIFA 18

Como é calculado o rating do jogador em FIFA 18 Ultimate Team?
 

É provável que ainda não tenha entendido de que é feito o overall rating, mas assim que perceber como é que ele é calculado, todas as dúvidas desaparecerão.

O overall rating de um jogador resulta da soma de duas parcelas: uma correspondente à média ponderada de uma seleção de atributos; e a outra referente à Reputação Internacional.

Eis a fórmula generalizada para o cálculo do rating do jogador em FIFA 18:

[vc_row][vc_column width=”1/3″]OVR = (ATT + IR)[/vc_column][vc_column width=”2/3″]

em que
OVR é o Rating do Jogador (1 a 99)
ATT é a Média Ponderada dos Atributos (1 a 99)
IR é o International Reputation (0 a 3)

[/vc_column][/vc_row]
 

Para começar, convém compreender que a média ponderada dos atributos não é calculada da mesma forma para todos os jogadores. Ela depende da posição que ocupam em campo, sendo apenas considerados os atributos que forem tidos como importantes para a posição em causa. Assim sendo, eis as ponderações a considerar para o cálculo do ATT, para cada uma das posições:

[vc_row][vc_column width=”1/4″]

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

GOALKEEPERS


[/vc_column][vc_column width=“1/4”]
➡️ GK
21% Diving
21% Handling
21% Positioning
21% Reflexes
11% Reactions
05% Kicking[/vc_column][/vc_row]
 
[vc_row][vc_column width=”1/4″]
Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

DEFENDERS


[/vc_column][vc_column width=“1/4”]➡️ CB
17% Standing Tackle
14% Marking
13% Tactical Awareness
10% Heading
10% Sliding Tackle
10% Strength
07% Aggression
05% Short Passing
05% Reactions
04% Ball Control
03% Jumping
02% Sprint Speed[/vc_column][vc_column width=”1/4″]➡️ RB/LB
14% Sliding Tackle
12% Tactical Awareness
11% Standing Tackle
09% Crossing
08% Marking
08% Stamina
08% Reactions
07% Short Passing
07% Ball Control
07% Sprint Speed
05% Acceleration
04% Heading[/vc_column][vc_column width=”1/4″]➡️ RWB/LWB
12% Crossing
12% Tactical Awareness
11% Sliding Tackle
10% Short Passing
10% Stamina
08% Standing Tackle
08% Ball Control
08% Reactions
07% Marking
06% Sprint Speed
04% Dribbling
04% Acceleration[/vc_column][/vc_row]
 
[vc_row][vc_column width=”1/4″]
Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

CENTRE MIDFIELDERS


[/vc_column][vc_column width=“1/4”]➡️ CDM
14% Short Passing
14% Tactical Awareness
12% Standing Tackle
10% Ball Control
10% Long Passing
09% Marking
07% Reactions
06% Stamina
05% Sliding Tackle
05% Aggression
04% Strength
04% Vision[/vc_column][vc_column width=”1/4″]➡️ CM
17% Short Passing
14% Ball Control
13% Long Passing
13% Vision
08% Reactions
07% Dribbling
06% Stamina
06% Attack Positioning
05% Standing Tackle
05% Tactical Awareness
04% Long Shots
02% Finishing[/vc_column][vc_column width=”1/4″]➡️ CAM
16% Short Passing
15% Ball Control
14% Vision
13% Dribbling
09% Attack Positioning
07% Finishing
07% Reactions
05% Long Shots
04% Long Passing
04% Acceleration
03% Sprint Speed
03% Agility[/vc_column][/vc_row]
 
[vc_row][vc_column width=”1/4″]
Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

RIGHT/LEFT MIDFIELDERS


[/vc_column][vc_column width=“1/4”]➡️ RM/LM
15% Dribbling
13% Ball Control
11% Short Passing
10% Crossing
08% Attack Positioning
07% Acceleration
07% Reactions
07% Vision
06% Finishing
06% Sprint Speed
05% Long Passing
05% Stamina[/vc_column][vc_column width=“1/4”]➡️ RW/LW
16% Dribbling
14% Ball Control
10% Finishing
09% Crossing
09% Short Passing
09% Attack Positioning
07% Acceleration
07% Reactions
06% Sprint Speed
06% Vision
04% Long Shots
03% Agility[/vc_column][/vc_row]
 
[vc_row][vc_column width=”1/4″]
Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

FORWARDS


[/vc_column][vc_column width=“1/4”]➡️ RF/CF/LF
15% Ball Control
14% Dribbling
13% Attack Positioning
11% Finishing
09% Short Passing
09% Reactions
08% Vision
05% Shot Power
05% Acceleration
05% Sprint Speed
04% Long Shots
02% Heading[/vc_column][vc_column width=“1/4”]➡️ ST
18% Finishing
13% Attack Positioning
10% Heading
10% Ball Control
10% Shot Power
08% Reactions
07% Dribbling
05% Short Passing
05% Strength
05% Sprint Speed
04% Acceleration
03% Long Shots
02% Volley[/vc_column][/vc_row]
 

Como viu acima, o rating é calculado pela soma da média ponderada dos atributos com a reputação internacional. Mas afinal, o que é esta parcela? O International Reputation, também conhecido por International Recognition, é um atributo que reflete no rating do jogador o prestígio local e internacional que ele e o clube onde atua têm. Baseia-se essencialmente na popularidade, na história e nos resultados de ambos. No fundo, o IR foi criado para ajustar o rating do jogador relativamente a tudo o que não diz respeito às suas capacidades técnicas, físicas e mentais. Ou seja, ele faz convergir de um modo artificial os ratings dos jogadores mais do agrado da comunidade para valores superiores, mas na prática não tem efeito nenhum.

Tal como acontece com o weak foot ou com as skills, os jogadores são avaliados relativamente ao seu International Reputation numa escala de 1 a 5 estrelas, sendo que a um maior número de estrelas corresponde uma maior reputação. Para saber quantas estrelas um determinado jogador possui, pode consultar algumas bases de dados que o indicam, como é o caso do FUTBin, FUTView ou o SoFIFA.

Se você esteve atento, já percebeu que não pode adicionar as estrelas ao rating, uma vez que dissémos que a reputação internacional bonifica em até 3 pontos. Na verdade, a parcela que entra para o cálculo do rating do jogador depende simultaneamente das estrelas e do rating base do jogador (o calculado na primeira parcela – média ponderada dos atributos), conforme a seguinte tabela indica:

RATING BASE
⭐⭐
⭐⭐⭐
⭐⭐⭐⭐
⭐⭐⭐⭐⭐
1 a 2800000
29 a 330000+1
34 a 49000+1+1
50 a 6600+1+1+2
67 a 7400+1+2+2
75 a 9900+1+2+3

 

Para tornar as coisas mais claras, vamos pegar num exemplo e calcular o rating do Cristiano Ronaldo. Como é que isso se faz? Nós explicamos.

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

Comece por entrar no jogo, procure por CR7 e abra o ecrã que lhe mostra os atributos detalhados da sua carta NIF. Em alternativa pode também utilizar uma base de dados de FIFA. Depois, só tem de seguir a fórmula que indicamos acima para um LW e substituir os valores pelos que constam na sua carta. Assim sendo teremos algo como:

ATT = 0,16 x Dribbling + 0,14 x Ball Control + 0,10 x Finishing + 0,09 x Crossing + 0,09 x Short Passing + 0,09 x Attack Positioning + 0,07 x Acceleration + 0,07 x Reactions + 0,06 x Sprint Speed + 0,06 x Vision + 0,04 x Long Shots + 0,03 x Agility =

= 0,16 x 91 + 0,14 x 93 + 0,10 x 94 + 0,09 x 85 + 0,09 x 83 + 0,09 x 95 + 0,07 x 89 + 0,07 x 96 + 0,06 x 91 + 0,06 x 85 + 0,04 x 92 + 0,03 x 89 = 90,51

Este valor arredondado à unidade é igual a 91. Provavelmente algum atributo foi ajustado artificialmente pela EA, pois com menos duas décimas a figura da capa do jogo acabaria por ficar com o mesmo rating que Lionel Messi. Se somarmos a este valor os 3 pontos proveninentes das suas 5 estrelas de reputação internacional, obtemos o OVR final de 94, tal como consta na sua carta. Ficou com alguma dúvida? Se sim, não hesite em colocá-la nos comentários e nós tentaremos responder-lhe.


 
 
 

In-Game Ratings

Números que não significam nada
 

Não podíamos publicar um guia sobre ratings de jogadores sem abordar os populares In-Game Ratings. O nosso dever é informar a comunidade, e seria um grande lapso da nossa parte não falar sobre estes números que tanto dizem a ela. Ou será que não é bem assim?

Está a ver aquelas imagens coloridas que todas as bases de dados de FUT publicam com o rating do jogador para cada posição no campo? Está? Claro que sim, basta olhar para as imagens abaixo onde nós reproduzimos essas IG stats de Cristiano Ronaldo de três sites diferentes. Para quem não sabe, estes números dizem o quão bem um determinado jogador atua em cada posição. Pelo menos, é isso que a esmagadora maioria da comunidade julga. Normalmente são conhecidas por ‘In-Game Ratings’, mas noutros sítios podem ser apresentados como ‘Ratings per Position’, ‘Best Positions’ ou ainda um nome mais pomposo como ‘True Ratings’.

Antes de mais, convém referir que não temos nada contra as bases de dados. Elas prestam um serviço à comunidade que complementa muito bem a experiência de jogo da mesma. Porém, quem acompanha este modo de jogo diariamente, como nós o fazemos, percebe que o interesse da comunidade nem sempre é privilegiado. Sempre que alguém surge com uma inovação, os outros vão atrás e copiam. Se você abrisse um site com uma série de ideias novas, em poucos dias as mesmas teriam sido absorvidas pelos maiores da especialidade. E isso é válido tanto para as coisas boas (preço das cartas, estatísticas IG dos jogadores, etc), como para as más. Aconteceu com a química, quando todos os sites decidiram copiar erradamente os bónus dos estilos nos atributos (e que ainda hoje se mantêm!), e aconteceu quando todos adotaram uma ideia estúpida batizada de In-Game Ratings, e que agora tentamos aqui desmontar. Nós avisamos alguns destes sites que estes números não faziam sentido e, de um modo geral, a resposta que recebemos foi a de que iriam manter essa (des)informação online pois, apesar de reconhecerem que tínhamos razão, era algo que a comunidade procurava com frequência e não queriam perder audiência, para mais sabendo que os outros sites manteriam esses dados acessíveis.

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

Lembra-se de no capítulo anterior termos dito que o rating do jogador dependia da posição onde ele jogava e de até termos partilhado consigo como é calculada a média ponderada dos atributos para cada uma das posições? Pois bem, é isso que os In-Game Ratings são. Eles pegaram no Cristiano Ronaldo (não literalmente, claro!), fizeram o cálculo do ATT para cada posição possível e imaginária e publicaram os resultados. Parece perfeito, não é? Para nós não passa de um ato de má fé ou, eventualmente, de desconhecimento profundo do jogo como muitos Youtubers famosos têm dado mostras ultimamente,. Vamos explicar porquê.

Imaginemos que você é um jogador de FUT comum. Não é difícil, pois não? Alguém lhe disse que pode saber o quão bem joga um jogador fora da sua posição natural e você foi descobrir a uma destas bases de dados se isso era verdade ou não. Escolheu o Cristiano Ronaldo, abriu a página e concluiu que afinal, assim que tiver moedas para o comprar (o que deve acontecer já depois de sair FIFA 19), poderá utilizá-lo a ST pois ele é melhor nessa posição do que na sua de origem. Foi uma descoberta incrível e que não dá margem para dúvidas, afinal de contas os números não mentem. Em vez de ficar por aí, experimente prosseguir nesta viagem connosco. Comece por abrir outras bases de dados e repita a pesquisa. Ficou confuso por ter números diferentes? É normal, pois o modo como as contas foram feitas diverge de site para site. É por isso que se colocar o CR7 a defesa central (porque razão alguém no mundo o faria?), irá obter IG ratings tão distintos como 53 ou 57, diferença que nem a reputação internacional consegue justificar.

Se mesmo depois de ler este artigo partir para a comparação entre dois jogadores através dos seus True Ratings (não resistimos a utilizar este nome: é tão querido!), então é porque provavelmente nos está mesmo a desafiar. Como pode você afirmar que um determinado número é bom ou é mau se, como vimos acima, o rating é algo tão ou mais subjetivo que a seleção da EA para a equipa da semana? Você pode argumentar que ao menos dá para comparar dois jogadores numa mesma posição, pois estará a colocar lado a lado uma seleção dos atributos mais importantes, mas não se esqueça de que os seus jogadores não jogam fixos numa posição. Eles movimentam-se ao longo de um jogo para diferentes zonas do relvado, desempenhando funções típicas de outras posições. Além disso, a média ponderada dos atributos deixa muita coisa de fora. Um jogador pode ter um IG rating superior a outro mas, por exemplo, ser mais baixo, não ter skills nenhumas e só rematar com um pé. Conclusão: os ratings, e os IG ratings em particular, não servem para nada.

Se você for teimoso, continuará a pensar que o Cristiano Ronaldo pode efetivamente ser um ST de excelência. Ele pode até ser, mas não há de ser o IG Rating que lhe irá confirmar isso. Acha mesmo que ele jogará melhor a ST do que a LW? Se respondeu que sim, então não leve a mal mas você percebe muito pouco de Ultimate Team. Estes números mágicos que estes sites tanto tentam defender não passam de mentiras. O comum jogador irá olhar para eles e ficar satisfeito com o rol de novas oportunidades e portas que eles lhe abrem. Quando alguém tem um deslumbramento desses, o seu cérebro tende a valorizar a descoberta e a preterir o racíocinio lógico. Ficamos contentes com algo e não queremos que esse efeito termine. Neste caso, os jogadores continuam a visitar estes sites vezes sem conta e a tomar decisões com base neles. Por sua vez, as bases de dados, mesmo sabendo não estarem a prestar uma informação exata, querem corresponder à procura que têm e mantêm a informação online. Está a ver como o círculo se fecha?

Ainda não percebeu porque é que dizemos que estes números não têm valor nenhum, mesmo depois de explicarmos a subjetividade dos ratings? Talvez falte aqui o motivo mais forte de todos: a química. Você foi em frente e colocou mesmo o Ronaldo a ST. Com isso está à espera que ele jogue como um jogador de rating 94 ou 95, o que quer que isso signifique. Acontece que em Ultimate Team as coisas não se passam assim. Se ele estiver a atuar fora da posição inscrita na sua carta, as suas capacidades serão penalizadas. No caso de um LW que jogue a ST, e como pode ver aqui, essa depreciação de atributos será de tal forma grande que concerteza ele jogará muito pior que na sua posição original. Na melhor das hipóteses, e a menos que lhe aplicasse uma carta LW-LF, teria uma química individual 4, o que representaria uma perda de rating sempre superior a 3 pontos. OK, desta vez tem você razão: estamos a falar de variações de rating quando eles não representam nada. Foi só mesmo para dar uma ideia, tal como a EA o fez quando os criou. O que interessa aqui reter é que alguém que olhe para os IG ratings, há-de criar uma expetativa que nunca se irá concretizar pois estes números não contemplam a fortíssima penalização dos atributos que a química impinge a quem jogar fora da sua posição.


 
 
 

Mitos e Fatos sobre o Rating do Jogador em FIFA 18

Uma reflexão mais profunda sobre o que aqui foi dito até agora
 

Agora que já percebeu como tudo funciona é hora de refletir sobre o que aqui foi escrito. Vamos pensar um pouco sobre coisas que são aceites por todos como certezas mas que afinal não fazem assim tanto sentido.

Comecemos pela época de anúncio dos ratings oficiais nas vésperas de lançamento do jogo. Por Ronaldo ter um overall rating superior ao de Messi, todos se apressaram a dizer que o Português era o melhor do jogo. Ora, uma coisa não tem necessariamente de significar a outra. Ter um rating superior não faz dele um melhor jogador. O rating é algo muito subjetivo e que não serve para determinar com exatidão a qualidade de um jogador. A própria EA contribui para a festa, divulgando um top 100 dos supostos melhores jogadores, ranking esse que não se coíbe de comparar jogadores em posições diferentes. Alguém no seu perfeito juízo pode afirnar que o De Gea é pior que o Suárez, só porque tem um rating inferior? Não faz sentido.

Pode parecer repetitivo mas talvez um exemplo concreto ajude a acabar de vez com todas as dúvidas. Consideremos dois jogadores com a mesma posição: Thiago Alcântara e Radja Nainggolan. O primeiro tem rating 88, enquanto o segundo possui menos dois pontos. Qual deles é o melhor? Isto de comparar jogadores tem sempre um grande grau de subjetividade mas, para a esmagadora maioria da comunidade, o Belga é o preferido, algo atestado pelo seu preço muito superior. A razão é simples: Radja é um ‘Man of Midas’, ou seja, um jogador muito mais polivalente. Quando a EA transforma as suas capacidades num único número, ela fá-lo de acordo com a posição que consta na sua carta, CM. Ou seja, deixa por exemplo de fora atributos importantíssimos que o podiam tornar num bom CDM, como agressividade, força e marcação. Além disso, há atributos que têm pouco peso para o cálculo do rating mas a que a comunidade dá enorme valor. É por exemplo o caso da stamina, algo em que o Radja fica a milhas do Thiago. Literalmente. O rating menospreza os jogadores mais versáteis pois ele é focado numa única posição. Não quer dizer que nós tenhamos obrigatoriamente a vontade de utilizá-los noutras posições, mas ter um CM que ajude a defender é sempre uma mais valia.

O rating de um jogador peca também por defeito. Para ele um jogador não tem skills, weak foot, altura, work rates ou sequer alguns atributos. Você reparou que o Balance, Curve, Free Kick Accuracy, Penalties e, pior ainda, a Composure não entram no cálculo do rating para nenhuma das posições? Pois é, jogadores que tenham estas stats elevadas serão necessariamente prejudicados no rating. No plano oposto temos a Reaction, presente no rating de todos os jogadores de campo. Na tabela abaixo, poderá identificar quais os atributos mais tidos em conta para o overall rating.

ATTRIBUTE
GK
CB
RB
LB
RWB
LWB
CDM
CM
CAM
RM
LM
RW
LW
RF
CF
LF
ST
Acceleration
Aggression
Agility
Att Positioning
Balance
Ball Control
Composure
Crossing
Curve
Dribbling
Finishing
Free Kick
Heading
Interceptions
Jumping
Long Passing
Long Shots
Marking
Penalties
Reactions
Short Passing
Shot Power
Sliding Tackle
Sprint Speed
Stamina
Standing Tackle
Strenght
Vision
Volleys
Tactical Aw
Diving
Handling
Positioning
Reflexes
Speed
Kicking

 

Um dos problemas para que queremos alertar, reside no fato de todos nós pensarmos no rating antes de pensarmos nos atributos. Fomos educados e treinados para pensar desse modo. Ninguém pagaria mais por uma carta TOTW se ela apresentasse o mesmo rating da NIF. Já na época dos Ratings Refresh, todos querem saber quantos pontos de rating aumentará determinada carta. Há muita gente a dizer barbaridades como ‘jogador x merecia ter um rating y’. Mas que raio quer isso dizer? Nada disto faz sentido pois o rating é tão só uma consequência dos atributos e não o oposto. Quando uma carta é melhorada, só poderemos saber se ela constitui ou não uma mais valia se olharmos para as suas stats. O aumento de um ponto de rating pode representar em casos limite apenas o acréscimo de um ponto numa das stats. Isso não é propriamente muito interessante, pois não? Por outro lado, um jogador pode manter o seu rating e no entanto ver vários atributos serem aumentados na nova carta em dezenas de pontos(!). Dentro de campo, o rating tem importância zero. Já as stats, essas sim, definem o potencial do seu jogador.

Guia do Rating do Jogador para FIFA 18 Ultimate Team

Para terminar, comparemos outros dois jogadores que jogam na mesma posição e na mesma liga: Kompany e Bailly. O primeiro tem um rating de 85, mais um do que o defesa do United. Qualquer pessoa que tivesse saltado todo o artigo até este parágrafo (você não fez isso, pois não?), teria o ímpeto de afirmar que o Belga é melhor. Porém, quem tenha jogado com ambos, sabe perfeitamente que Bailly é melhor defesa do que Kompany. Então se o rating do jogador é baseado nos atributos importantes para uma dada posição, porque é que ele parece estar errado? A resposta é simples: reputação internacional. O costa-marfinense tem apenas duas estrelas que não lhe dão nenhum bónus no rating, enquanto que o defesa do City tem quatro estrelas de reputação que lhe dão dois pontos extra. Quer isto dizer que, na realidade, Bailly tem um rating base superior ao de Kompany (84>83) e que dentro de campo tem tudo para ser melhor defesa. O que interessa reter deste teste é que os jogadores mais populares não são assim tão bons quanto o seu rating parece indicar, podendo muitas vezes até jogar pior que outros desconhecidos que tenham um rating ligeiramente inferior. É também por essa razão que os únicos seis jogadores não-Ícones com 5 estrelas de reputação têm um rating consideravelmente superior à maioria dos outros.

Nascido no final dos anos 70, Rodrigo Lopes é por natureza um entusiasta de video jogos. Começou por um ZX Spectrum 48k e jogou todos os jogos da série FIFA. Este engenheiro, que também escreve sobre jogos FIFA num outro popular website, vive o futebol e ama o Benfica. Junte-se a ele no Google Plus.

Comente

Please enter your comment!
Please enter your name here